Cena envolvendo motorista de ônibus escolar chama atenção de leitora que é maltratada e alunos chamados de bando de "capetas".

Redação - 20/03/2019 - 14:03


Revoltada com atitude de um motorista de ônibus escolar da empresa Elo Transporte, que presta serviço escolar no município de Itabela, em relação a um grupo de crianças que aparece em fotos e vídeos, empurrando o veiculo em que estavam, que teria agarrado na lama. Á leitora e moradora do distrito de Monte Pascoal onde ocorreu o episódio, fez um desabafo em um grupo do whatsApp e acabou sendo destratada  de forma grosseira pelo motorista.

O pior foi quando o motorista do ônibus com  placa NZY- 2938, se refere aos alunos como bando de “Capeta”. Ele explica que os alunos o deixou muito estressado, e por várias vezes tirou as crianças, más os mesmos voltavam para o meio da pista.

Em contato com a redação do giro de noticias, a leitora confessa que apenas comentou no grupo o perigo que as crianças corriam atrás do veiculo em meio a lama e que poderia causar um acidente grave caso o carro deslizassem em sentido as crianças.

O motorista não teve meio termo e atacou de forma grosseira e  ainda trata criança como "bando de capeta". "Eu até acredito que as crianças estavam fazendo uma certa bagunça, mas crianças são crianças. O que não pode é um  motorista de ônibus de transporte escolar simplesmente ignorar a atitude dos menores",comenta a  leitoura.

"Eu não gostei da atitude dele e reclamei. Ele disse de uma forma como se não tinha obrigação de cuidar de filhos alheios. Agora eu me pergunto, se  essas crianças  atrás do ônibus sofressem um acidente, o que fazer numa situação dessas. Deixo aqui minha indignação, esperando que algo seja feito por parte da empresa responsável e pela secretaria de educação" disse.

A pronúncia  do motorista escolar  referindo as crianças como “bando de Capeta”, não  é uma caracterização de crime contra a honra, mas depende de avaliação subjetiva e sutil sobre a possível ofensa. As mesmas afirmações podem caracterizar ou não o delito, a depender da palavra e da forma com que foi emitida. Muitas vezes, a diferença entre o crime e o mero desabafo ou exercício da liberdade de expressão está nos detalhes. Más tratando-se de um condutor de um veiculo escolar que transporta crianças, isso deve ser avaliado e o  motorista  passar por exames psicológicos. 

A conduta do motorista foi contestada por muitos participante do grupo, que condenaram a  forma em que ele se  comportou ao chamar as crianças de bando de “capeta” e as agressões verbais contra a internauta .

O veiculo em questão, transporta alunos na região conhecida por "Pindoba" Interior do destrito de Monte Pascoal, em Itabela.

WhatsApp Giro de Notícias (73) 98118-9627
Adicione nosso número, envie-nos a sua sugestão, fotos ou vídeos.


Compartilhe:

COMENTÁRIOS

Nome:

Texto:

Máximo de caracteres permitidos 500/



queria qui fosse meu filho qui ele chamava de capeta
pedro

Quem nunca chamou uma criança de encapetada ou elétrica
Eu

Engraçado ele é motorista não monitor. Engraçado na foto tem 3 alunos porq não estão todos. Provavelmente os outros obedeceu o motorista é esses ai ta ai só pra da mutivo do povo falar. Tudo hj em fia o povo fala ninguém aguenta tanta chatice desse povinho sem o q fazer.


Não É Certo Essas Palavras Grosseiras Que Estão Pronociando Contra Elle Já virProfessores Fazer Coisas Piores Más Respeito Quando For Chamar Alguém D Doido ou Até MSM Mandar Levar Em Pisilogo Filha Delle Aqui
Jo Oliveira

Por ele ter falado alguma coisa com os meninos não significa que ele não presta já vi até professor bater xingar humilhar alunos e vocês que estão criticando ele respeito é bom e todo ser humano merece antes de você falar qualquer coisa sobre ele vigia em casa casas pior vem acontecendo e só foi um momento de raiva dele mais nada ninguém tá aí para julgar ninguém nem Deus não julga nós não aceito palavras feias sobre ele meu pai se alguém tiver alguma coisa para dize que procure ele e fale


Vocês que anda falando m por aí você tinha que passar saber primeiro ou entendi o que é conduzir o veículo escolar com muitos meninos que não atende nem os pais direito em casa muito desses que fala aí o filho falta bater em casa aí acha que o motorista escolar vai poder organizar quais 50 alunos desse Pensa bem Quantos professores são agredidos na sala de aula isso é resolvido por isso pense bem antes de vocês falaram palavras a laser vocês não sabem nem conduzir um ônibus!!!
Monte pascoal

As falas do motorista nao prejudica nem agride os meninos e meninas. Apenas ele quis dizer que sao teimosos, levados e desobedientes. Esse motorista esboça sua preocupaçao em preservar a vida desses estudantes ao dizer tb que pedia para nao irem para pista e e eles insistiam. Vamos deixar de falar besteira, quem achar q é facil lidar com estudantes , vao e depois verao.
Auzair

Sabemos que um professor sofrê bastante com a bagunça das críticas,mesmo sendo autoridade maior na sala de aula,pois e !! Um condutor escolar sofrê o dobro,eles mesmo coloca a vida deles em risco tirando a atenção do motorista dando chutes e ponta pés na lataria do veículo,gritaria , palavrões.motorita e um herói que não recebi o merecido valor,ao em vez de criticar,cria uma lei onde dá odireito ao motorista da uma suspensão aos baderneiros, enquanto ao que empurrão o ônibus,soQUERIAirPARA CASA
Motorista

Tem que demitir esse cara tem gente mas gualificada para o trabalho..ele está ganhando para levar os alunos
Vereador

CRIMES, CIDADE VIOLENTA, CAOS NA EDUCAÇÃO. A CIDADE ESTÁ CLAMANDO POR SOCORRO. FAÇAM ALGUMA SENHORES VEREADORES.FORAM ELEITOS PARA FISCALIZAR. NAO ADIANTA SÓ POSTAR MATÉRIA. LEVE TODO ESSE CAOS AO MINISTÉRIO PÚBLICO. CASSEM ESSE PREFEITO
OBSERVADOR